Feed

Assine o Feed e receba os artigos por email

segunda-feira, 7 de julho de 2008

Sagrado


Na vida, quero antes ter sorte
Estar embalado por canções que ressoam n`alma
Como lembrancinhas que se renovam a cada encontro.
Quero a beleza, o estar encantado, estar purificado
Como um poema que se ergue como um veda
Que molha o espírito e se esparrama pelos cantos de nós.
Na vida, o sagrado convida o amor a morar
No abraço dos amigos.
Convida, e nós vamos como ciganos à procura do abrigo
Aconchegante que só podemos encontrar no laço que ser forma
Quando estamos juntos.
Na vida, a vela ilumina sem demora os caminhos cruzados
Que trouxe cada um até aqui.
Hoje descobri que os melhores presentes não podemos levar junto,
Pois cada amigo tem seu canto para ficar distante
E moldar uma saudade para o próximo encontro.

Arquivo do blog