Feed

Assine o Feed e receba os artigos por email

domingo, 14 de novembro de 2010

idílio

enquanto você estiver ausente
serei como uma semente
que não germina
para o que a vida sente

2 comentários:

Katrina disse...

Sementes secam ao natural

J. disse...

Muito bonito!

Lembrou Djavan


De tudo o que há na terra
Não há nada em lugar nenhum
Que vá crescer sem você chegar...

Arquivo do blog