Feed

Assine o Feed e receba os artigos por email

quinta-feira, 5 de maio de 2011

Chuva...

A chuva é uma luva
que conforta o meu riso
com a transparência do dia.
Depois, aprendo
com as luzes
a compreender a razão
de um céu azulado...
Quero-te bem ventania!
Quero-te mais sem razão
para acompanhar
meu segredo de pelejar
o vício de amar um tostão,
de engravidar um desejo
pelo que vejo de sua mania
de chuviscar a alegria
com minha lágrima
de saudade...

2 comentários:

Lara Amaral disse...

Gotejante... gostei!

Beijo.

Sam disse...

...encharcou-me de beleza.
meu beijo.

Arquivo do blog