Feed

Assine o Feed e receba os artigos por email

sábado, 9 de abril de 2011

outono

no outono
a solidão
não tem dono
apenas o frio
como promessa
de calor
no abraço
de alguém...

3 comentários:

Celso Mendes disse...

O frio tem dono e o desejo de um outro calor. Belo poema.

Abraço!

CARLA STOPA disse...

Sou folha seca de outono procurando abrigo num abraço quente...Adoro estar aqui contigo...Meu abraço.

Sam disse...

meu outono
é um dia de sol
e vento
uma cama vazia
e quente
uma curva na estrada
e florida
um abraço aberto,
esperando...

Simples e belo, Márcio.
meu carinho.

Arquivo do blog