Feed

Assine o Feed e receba os artigos por email

sábado, 29 de janeiro de 2011

relicário

cenários
curtos.
apenas
aquários
num surto
inimaginável...
são canários
num curto
e espaçado
fio de tempo,
teso e lento
como um
relicário
líquido
de vento...

Um comentário:

Sam disse...

São ensaios
esses lábios
que se estendem feito
corpos vertendo
tão límpido rio
sem dar pé
onde me afogo
e me findo,
eu mais o meu eu lírico.

Arquivo do blog